sábado, 16 de fevereiro de 2013

Perdi-me em mim mesma. De tanto querer ser, já nada sou.

3 comentários:

Inês disse...

Focamo-nos exageradamente em ideais, mas a raça humana é sinónimo de genuinidade. Temos de ser nós mesmos, só assim seremos fiéis a nós próprios. Muita força. Já sou tua seguidora.

F. disse...

espreitei um pouco do teu blog e gostei muito: tem sentimento, tem alma. vou seguir!

sara oliveira disse...

obrigada por me seguires, terei todo o gosto de te seguir também (: desculpa só agora responder, mas estive ausente aqui da blogosfera. estou de regresso e cheia de vontade de conhecer o teu cantinho (: beijinhos